Literatura Gospel



X

Queratina: cuidado com o uso em excesso

Saiba o que acontece quando se utiliza uma quantidade maior de queratina.

Seus cabelos ficaram enrijecidos e você não sabe como tratá-los? Então, vem descobrir!

Ela é a melhor amiga dos cabelos que precisam de reconstrução, mas também pode deixar o cabelo endurecido quando é utilizada em excesso, já aconteceu com você? Provavelmente algumas de vocês já devem ter usado um produto com queratina ou aquela carga concentrada e, por conta da falta de informação, ficaram com os cabelos enrijecidos e, ainda por cima, mal-humorada.

A maioria já deve ter ficado indignada ao usar um produto que promete hidratar e recuperar e depois conferir o resultado nada maleável. Saiba que isso acontece quando se utiliza uma quantidade maior de queratina, por isso não diga que o produto não funcionou com você, já que na verdade a queratina não se propõe a hidratar e sim, a reconstruir a fibra capilar, deixando os fios fortes.

Entenda melhor

A queratina tem um papel muito importante no cabelo porque ela é um dos componentes naturais da fibra capilar, diga-se de passagem a queratina representa cerca de 80 % do cabelo. O maior problema acontece quando há diminuição da porção interna por conta das agressões causadas ora por processos químicos, ora por fatores externos. Se o seu cabelo está fragilizado, sofrendo com quebra, o melhor a se fazer é procurar a ajuda de um profissional para realizar a reposição de queratina de acordo com o que o cabelo necessita, assim ele pode dosar a quantidade e também os intervalos entre uma aplicação e outra. Ao tentar realizar o procedimento em casa, há um grande risco de saturação, o que gera o conhecido ressecamento.

Precauções

Antes de tudo é bom saber que as aplicações serão definidas após a análise de concentração de queratina em cada produto, já que cada um tem uma quantidade diferente. Em casos de reconstruções capilares, intervalos de no mínimo 20 dias são recomendados por profissionais. Enquanto as cauterizações necessitam de um período maior que gira em torno de 30 a 40 dias.

Um dos pontos que influenciam na decisão do período ideal é a situação em que o cabelo se encontra, se o fios já tiverem passado por procedimentos agressores que são capazes de destruir a estrutura original como as escovas progressivas, os relaxamentos e as decapagens. Estes estão no topo da lista dos processos químicos que levam o cabelo a precisar de reconstruções extremas.

Micro-queratina

Já ouviu falar dos produtos à base de micro-queratina? A alternativa que possui o mesmo efeito da queratina tradicional se presenta como uma forma mais inteligente e eficaz que a original. Seu tamanho microscópico faz com que as partículas penetrem com maior facilidade no fio e corrija as imperfeições sem pesar o cabelo, isso porque as micros preenchem somente os espaço vazios e, por isso, não sobrecarregam os fios.

Como deixar os fios maleáveis novamente?

Reverta a situação utilizando máscaras hidratantes que repõem a água perdida. Elas são as responsáveis por devolver a maleabilidade ao cabelo, isso acontece devido a seus ativos emolientes. Utilize a máscara até voltar a sentir seu cabelo como antes, depois é só manter as hidratações semanais.

Por Kemilly Bertini